Asfalto-Coração (ou Lembranças do Tempo que [Re]pulso)

Meu peito, encostado
Naquele ardente asfalto
(Coração esmagado)
Congelando tudo que toca
Congelando toda a música que toca…

Toda a música que toca!!!

Que alguém toque algo que esquente
Nem que seja algo que mente
Enquanto a verdade revela

Sem hesitar
Sem excitar

Sem Exit(ar)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s